Univasf anuncia mudanças no sistema dos Restaurantes Universitários para evitar inviabilidade das atividades acadêmicas

0

A Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) estabelecerá mudanças no sistema de alimentação subsidiada nos Restaurantes Universitários (RUs) para o semestre letivo 2018.2, que terá início em 25 de outubro. As refeições subsidiadas no valor de R$ 1,50 serão mantidas para todos os estudantes cotistas, veteranos e ingressantes, que entram na Univasf pelas cotas L1, L2, L9 e L10 e têm cadastro de acesso ao RU como integrantes do grupo Prioridade 1 (P-1). Não haverá alterações para este grupo. As mudanças afetarão os estudantes que integram o grupo Prioridade 2 (P-2) e ingressam via Ampla Concorrência, que utilizam os RUs pagando o valor de R$ 3,50 por refeição.

Os estudantes veteranos já cadastrados no grupo P-2 poderão fazer uma refeição por dia – café da manhã ou almoço ou jantar – pelo valor subsidiado de R$ 3,50. A segunda refeição do dia será feita pelo valor de R$ 9,50, que não é subsidiado. Esta medida se destina apenas aos discentes que já estão cadastrados no P-2 e entrará em vigor a partir de 25 de outubro.

Não serão realizados novos cadastros de estudantes para o grupo P-2 de acesso aos RUs. As mudanças se devem às restrições orçamentárias e ao crescimento contínuo do número de estudantes que ingressam pela Ampla Concorrência e que, por conseguinte, não são atendidos pelo Decreto N˚ 7.234/2010, que instituiu o Programa Nacional de Assistência Estudantil (PNAES), mas que na Univasf vêm contando com o benefício do acesso subsidiado aos RUs.

A Pró-Reitoria de Assistência Estudantil (Proae) já comunicou as alterações à Câmara de Assistência Estudantil (CAE) e ao Conselho Universitário (Conuni). Este ano, a Univasf já destinou R$ 7,7 milhões às ações de assistência estudantil, dos quais R$ 5,5 milhões são provenientes do PNAES. A previsão é que até dezembro o total de recursos destinados à assistência estudantil na instituição some R$ 9,9 milhões. Destes, R$ 4,4 milhões serão a contrapartida da Univasf para a assistência estudantil em 2018. Este valor de contrapartida para além dos recursos específicos do PNAES, que hoje representa cerca de 15% do orçamento de custeio para o funcionamento da universidade previsto para 2018 (excluindo despesas com pagamento de folha de pessoal dos servidores ativos e inativos), vem aumentando ano a ano. Por outro lado, o orçamento de custeio para o funcionamento da Univasf vem se mantendo praticamente o mesmo ao longo destes últimos anos. Portanto, estas mudanças anunciadas no sistema de alimentação subsidiada nos RUs são necessárias para evitar que as atividades acadêmicas sejam inviabilizadas.

Os RUs integram uma política estruturante de assistência estudantil destinada a atender estudantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica. Por esta razão, todos os alunos já cadastrados como P-1 continuarão recebendo o benefício do acesso subsidiado. E também haverá novos cadastros destinados à inclusão dos ingressantes cotistas. O período de inscrição para estes estudantes será divulgado em breve. Mais informações na Pró-Reitoria de Assistência Estudantil (Proae) pelo telefone (87) 2101-6874 e pelo e-mail proae@univasf.edu.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Prefeitura fará censo para atualizar cadastro de servidores municipais de Petrolina

Servidores ativos, aposentados e pensionistas da Prefeitura de Petrolina irão passar, pela…