Mais de 700 policiais concursados podem ser chamados em Pernambuco

0

O secretário de Defesa Social do Estado, Antônio de Pádua, diz não ter dúvida de que a redução dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) está consolidada e informa que a meta é chegar ao final do ano com redução de 24%, o dobro da meta do Pacto pela Vida (PPV), que é de 12%. E adianta que há outras medidas em curso, como a inauguração de novas unidades de polícia e melhorias no atendimento às mulheres vítimas de violência, além da possibilidade de chamar mais 711 concursados e de criar cinco delegacias contra a corrupção no interior.

“Em novembro vamos inaugurar o batalhão de Itapissuma e o Complexo de Polícia Científica de Palmares, que inclui um novo IML para dar mais velocidade e qualidade na apuração dos homicídios na Zona da Mata Sul”, destaca Pádua. “E até o fim do ano estamos concluindo concursos para contratação de soldados e oficiais que começam a se formar em janeiro.”

Segundo o secretário, há uma sinalização positiva do governador para chamar mais 140 delegados, 511 agentes e entre 60 e cem policiais científicos. Boa parte do efetivo seria utilizada no interior. “Há uma necessidade de interiorizar esse trabalho de investigação da corrupção”, afirma, acrescentando que um novo laboratório para apurar lavagem de dinheiro está em fase de conclusão no Recife. (JC).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Homem acusado de praticar estupro é preso em Petrolina

Policiais civis de Cabrobó (PE) prenderam, em Petrolina,  José Cícero do Nascimento Silva,…