Justiça de Petrolina decide por “imediata suspensão” do impeachment do vice-reitor da Univasf

2

Uma decisão do juiz federal da 17ª Vara em Petrolina, Arthur Napoleão Filho, determinou a  “imediata suspensão” de destituir o vice-reitor da Univasf, Valdner Daizio Ramos Clementino.

O documento aponta ausência de justa causa e da violação à legalidade, ao processo diante da inconformidade do Conselho Universitário com a gestão pró tempore, de reitor com a suspensão da lista tríplice da eleição e justifica à ampla defesa e ao contraditório da decisão, pena de multa diária sugerida de R$ 2.000,00.

“Ao contrário do que alega a parte autora, os atos praticados pelo CONUNI não têm o condão de decidir acerca da sua destituição do cargo de Vice- Reitor”, diz o documento.

2 Comentários

  1. Cida

    24 de julho de 2020 em 22:11

    Rapaz, esses professores querem as cadeiras de volta.

    Responder

  2. Prof. Alton Cunha

    24 de julho de 2020 em 22:18

    O mundo se acabando com tantos problemas econômicos, sociais,e agora, por último, com essa pandemia e, esses acadêmicos fazendo política para assumirem cargos. Deviam se preocupar mais com a situação do ensino dos alunos. Estão precisando trabalhar. Isso sim, é que é preciso.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Petrolina (PE): Tecladista morre afogado na barragem de Cruz de Salinas

Um homem  identificado como Antoniel morreu afogado neste domingo (09),  na barragem de Cr…