TCU: Relator aprova contas de Dilma com ressalvas

relator

O senador Acir Gurgacz (PDT-RO) apresentou na tarde de hoje (22) seu relatório no qual recomenda a aprovação, com ressalvas, das contas da presidenta Dilma Rousseff relativas ao ano de 2014.

O relatório do pedetista na Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO) contraria o posicionamento do Tribunal de Contas da União (TCU), que em 7 de outubro recomendou, por unanimidade, a reprovação das contas da petista, sob o argumento de que Dilma descumpriu a Constituição, ao fazer o que ficou conhecido como “pedaladas fiscais”.

Na ocasião, a decisão do TCU foi comemorada pela oposição e pelos defensores do impeachment. Mas a palavra final é do Congresso Nacional.

Gurgacz afirmou no relatório que o problema das “pedaladas” é fiscal, que a presidenta usou a estratégia para enfrentar as dificuldades e que os valores devidos estão sendo pagos ou vão ser quitados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Semana fecha com saldo de três mortos por acidente de moto em Petrolina (PE)

A segunda semana de janeiro registrou três mortes provocas por acidente de trânsito em Pet…