Sesab suspende cirurgias eletivas na Bahia e gera reações de funcionários de hospitais

 A Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) determinou a suspensão de todas as cirurgias eletivas nos hospitais estaduais da Bahia por prazo indeterminado. A justificativa dada pela gestão é de que os leitos e recursos estão sendo remanejados para o combate e atendimento de pacientes com a Covid-19.

A decisão, tomada na semana passada, gerou reações. Na manhã desta segunda-feira (4) funcionários do Hospital Dia do Roberto Santos, em Salvador, fizeram uma manifestação na frente da unidade de saúde após receberem aviso prévio.

Em entrevista ao Jornal da Manhã, o secretário da Saúde, Fábio Vilas-Boas, explicou que a decisão atinge várias unidades estaduais e também foi adotada em outros estados do país. Segundo ele, os procedimentos eletivos podem “tranquilamente ser remarcados”.

No caso específico do Hospital Roberto Santos o atendimento está suspenso por prazo indeterminado, e a gestão vai “reavaliar o funcionamento do hospital dentro do perfil de toda a região de saúde leste com inauguração de várias outras unidades”. (bn)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Juazeiro (BA): Cidade registra 21 novos casos da Covid-19 e mais um óbito nesta terça-feira (26)

Juazeiro (BA) registrou 21 novos casos do novo coronavírus no boletim epidemiológico da Se…