Sem posição oficial do MEC, estudantes vivem apreensão em relação à divulgação dos resultados do Sisu

0

Estudantes pernambucanos estão apreensivos em relação ao futuro acadêmico. Sem uma posição oficial do Ministério da Educação (MEC) sobre a divulgação dos resultados do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), prevista no calendário oficial para esta terça-feira (28) e impedida pela Justiça. A suspensão da divulgação das notas do Sisu pode prejudicar o calendário letivo das universidades e dos institutos de ensino superior, que podem ter o período de matrículas e consequentemente o início das aulas alterados. No estado, as seis instituições que estão no Sisu informaram que aguardam uma decisão do MEC para emitir pronunciamento sobre o assunto e sobre o calendário acadêmico deste semestre letivo.

Após o TRF-3 rejeitar, nesse domingo, um recurso do governo federal e manter a suspensão da divulgação dos resultados do sistema, a Advocacia-Geral da União (AGU) determinou ontem que o Ministério da Educação e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) apresentem dados e notas técnicas complementares que comprovem terem sido superadas todas as falhas na correção do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Com esses documentos, a AGU diz que recorrerá ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) para reverter a decisão que impede a divulgação do resultado do Sisu. Na decisão de domingo, a presidente do TRF-3, desembargadora Therezinha Astolphi Cazerta, considerou que não foram apresentados “elementos seguros de que candidatos não teriam sido impactados” pelos erros no cálculo da nota do Enem. (DiáriodePernambuco)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

TST anuncia fim da greve de petroleiros após acordo

Após audiência de mediação no TST (Tribunal Superior do Trabalho), os petroleiros e Petrob…