Rio Pajeú transborda e Serra Talhada (PE) decreta calamidade pública

As fortes chuvas que atingiram Serra Talhada (PE) na madrugada de quinta-feira (26), deixaram vários moradores desabrigados após o transbordamento do rio Pajeú. A prefeitura da cidade decretou estado de calamidade pública. Segundo a gestão, ainda não foram contabilizadas as famílias desalojadas nem os prejuízos materiais. Parte do centro comercial e pontos de outros bairros ficaram alagados.

O Corpo de Bombeiros montou uma operação de resgate com quatro viaturas e duas embarcações. Durante a manhã desta quinta, pelo menos 30 pessoas que estavam ilhadas foram removidas. Os moradores foram levados para abrigos improvisados em escolas da cidade, que estão com as aulas suspensas por causa das estratégias de isolamento para conter o avanço do novo coronavírus.

Em nota, a prefeitura alertou que a Defesa Civil continua monitorando o nível do rio Pajeú, que está baixando em algumas cidades, mas pode voltar a subir com mais chuvas. A Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) emitiu, na quarta-feira (25), alerta meteorológico com a possibilidade de chuvas fortes até as 17h desta quinta no Sertão e Agreste do Estado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Gil do Vigor vai à Ilha do Retiro e recebe camisa personalizada do Sport

O Pernambucano Gilberto Nogueira, mais conhecido como Gil do Vigor, um dos principais nome…