Relatório cita região do Vale do São Francisco e aponta que trabalhadores de lavouras de frutas vivem na pobreza

0

Os trabalhadores temporários das lavouras de frutas de  Petrolina  (PE) e Juazeiro (BA),  foram citados  numa matéria de grade circulação nacional publicada nesta quinta-feira (10), no Portal R7.

Entre os destaques da abordagem, encontra-se os baixos salários e  as condições do trabalho sazonais que, somando os dois, inclui este grupo num índice de pobreza.

De acordo o responsável pelo relatório, Gustavo Ferroni, apesar das certificações e estruturas das empresa, ainda existem  práticas irregulares para esses trabalhadores. “Casos de práticas muito ruins e até degradantes de trabalho, principalmente contaminação por agrotóxico, intimidação, às vezes falta de banheiro, falta de refeitório, ou seja, infraestrutura inadequada”,  pontuou.

O relatório “Frutas Doces, Vidas Amargas”, foi divulgado hoje (10) pela Oxfam Brasil —, e analisou as cadeias do melão, uva e manga na região do Vale do São Francisco e Rio Grande do Norte (RN).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Anvisa adia votação do cultivo de maconha para fins medicinais no Brasil

Em reunião pública da Diretoria Colegiada, realizada nesta terça-feira (15), a Agência Nac…