Presidente do TJPE assume Pernambuco no lugar de Paulo Câmara até 31 de julho

O governador Paulo Câmara está fora do país em viagem a Portugal para participar da inauguração da nova sede do Instituto Pernambuco-Porto, com o objetivo de firmar parcerias para atrair desenvolvimento ao estado. Durante sua ausência, o presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), desembargador Luiz Carlos de Barros Figueirêdo, assumirá, até o próximo domingo (31) o comando do Governo de Pernambuco interinamente. A solenidade de posse aconteceu nesta quarta-feira (27).

“Fico muito satisfeito de, em quase oito anos de governo, ter mais uma oportunidade de fazer a transmissão do cargo ao presidente do Tribunal de Justiça”, disse Paulo Câmara. Em 2017, o então presidente do TJPE, desembargador Leopoldo Raposo, assumiu o comando do estado durante outra missão oficial do governador.

Pela Constituição Estadual, em caso de ausência do governador, o cargo é transmitido ao vice-governador ou ao presidente da Assembleia Legislativa, respectivamente.

No entanto, na eleição de 2022, tanto a vice Luciana Santos (PC do B) como o presidente da Assembleia, Eriberto Medeiros (PSB), serão candidatos e, por isso, estão impedidos de assumir a chefia do Executivo até o fim de outubro.

O governador em exercício ratificou a parceria entre Executivo e Judiciário e agradeceu a confiança depositada. “Estou muito feliz, orgulhoso e certo de que é preciso trabalhar sempre pelo povo pernambucano. Poucos foram aqueles que tiveram a oportunidade de exercer a chefia do Judiciário e, durante alguns momentos, a chefia do Estado de Pernambuco. Irei fazer o meu melhor e me dedicar”, disse o desembargador Figueirêdo.

Estiveram presentes à solenidade a primeira-dama Ana Luiza Câmara e os secretários estaduais José Neto (Casa Civil); Alexandre Rebelo (Planejamento e Gestão); Décio Padilha (Fazenda); Marcelo Canuto (chefe de gabinete); o presidente em exercício da Assembleia Legislativa de Pernambuco, deputado Aglailson Victor (PSB); além de desembargadores, juízes e diretores do TJPE.

Deixe um comentário

Veja também

Candidatura de Pablo Marçal à presidência segue em dúvida e aguarda decisão do TSE

A candidatura do empresário e coach Pablo Marçal (Pros) à presidência da República pode to…