Homem confessa agressão a mulher na Bahia após ler mensagens no celular e achar que ela ‘não teve comportamento de mulher casada’

Um homem que mora em Jaguaripe, no recôncavo baiano, gravou um vídeo confessando que agrediu a ex-companheira após acessar o aplicativo de mensagens dela, no celular. Nas imagens, ele afirma que cometeu o crime porque ela não teve um “comportamento adequado de mulher casada”. O caso é apurado pela Polícia Civil da Bahia.

O vídeo gravado pelo homem, identificado como Saulo de Tarso, rivalizou nas redes sociais. De acordo com a Polícia Civil, o caso ocorreu em Jaguaripe, mas foi registrado como violência doméstica e familiar, na 23ª Delegacia Territorial (DT) de Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador, na última sexta-feira (9).

A polícia, no entanto, disse que não poderia detalhar o motivo pelo qual o caso ocorreu em uma cidade, mas foi registrada em outra. No vídeo, Saulo diz que a mulher é casada com ele, no entanto, a Polícia Civil registrou a ocorrência como a vítima sendo ex-companheira dele.

Através das imagens o homem diz que empurrou a mulher porque ela “não teve o comportamento de mulher casada”.

“Eu estou aqui pra assumir qualquer coisa que eu fizer porque o homem, ele é homem. Quando o homem se dedica a uma mulher, ama, faz de tudo por ela e a mulher fica com ‘conversinha’ com outro homem, em whatsapp, celular, por causa de um comportamento estranho. A mulher casada é mulher casada. Empurrei a cabeça dela. A cabeça dela bateu na parede. Não tive a intenção de ‘rumar’ a cabeça dela na parede, mas bateu, bateu”, confessou no vídeo.

Além de assumir a agressão praticada contra a ex-companheira, Saulo diz que não se preocupa com a a publicação do vídeo e diz que a mulher pode até mostrar o vídeo para a polícia.

“Se ela quiser mostrar esse vídeo [à polícia], fazer exame, alguma coisa e quiser recorrer, eu quero que ela diga toda a verdade, como é que ela está se comportando como mulher casada. Aí depois, eu estou aqui para assumir qualquer coisa, sair na mão, trocar bala, ir preso”, completa o homem.

De acordo com o relato, o homem além de agredir a mulher, também ameaçou e reteve o aparelho celular dela.

A unidade iniciou a investigação e solicitou uma medida protetiva de urgência ao Poder Judiciário, além de pedir o mandado de prisão do agressor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Polícia encontra carro roubado na Zona Rural de Dormentes (PE)

A Polícia Civil durante abordagens na Zona Rural de Dormentes (PE), localizou um veículo G…