Exclusivo: Vereadora Cristina Costa dispara contra juíz Sérgio Moro: “A tentativa dele é deixar Lula inelegível, faz parte do golpe”

0

Após, o juiz Sergio Moro condenar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a nove anos e meio de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, em sentença, anunciada nesta quarta-feira, O PT começou a expressar opinião sobre o assunto e o Blog procurou a vereadora Cristina Costa (PT).

Para a petista, o juiz Sérgio Moro, após a decisão não tem pensado no direito a cidadania do povo brasileiro e que o caso partiu para o campo pessoal.

“O Brasil vem acompanhando e o ex-presidente disse no próximo discurso, ele foi claro para nós filiados, que deixasse esse assunto que é uma questão pessoal entre Moro e Lula,  não estranho essa condenação, essa perseguição ao PT, que não é de hoje, e agora em 2017 a situação piora, a população já sente falta do projeto politico do PT, pois se ele, (Lula), fosse hoje candidato, ganharias as eleições, Moro infelizmente poderia resgatar a cidadania do povo brasileiro”, comentou.

A vereadora alegou ainda que a tentativa do juiz Sérgio Moro é deixar Lula inelegível, conduzindo segundo ela, os trabalhos envolvendo o ex-presidente de forma tendenciosa.

Ele, (Sérgio Moro) começou bem mas depois, estranha o descrédito do judiciário, Lula apresentou em depoimento as alegações legais do processo contra ele e todos os direitos do imóvel, o triplex foram passados para a Caixa Econômica Federal, que constatou o fato, tudo é legalizado, ele não prendeu Lula porque não existem provas. A tentativa dele é deixar Lula inelegível, faz parte do golpe.

Cristina Costa acredita que Lula provará sua inocência e acrescentou duras críticas ao Juiz Sérgio Moro.

“Todo esse projeto capitalista é contrapor os interesses da classe trabalhadora. Lula terá que comprovar juridicamente em primeira instância a sua inocência. Moro de forma tendenciosa e pessoal é um instrumento para dar continuidade ao golpe, ele é um mero acusador, é uma briga política e quero que ela acabe, tiraram o PT na perspectiva de melhorar o país, e nada”, disparou a petista.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Amor e ódio serão discutidos na 6ª Jornada de Estudos em Psicanálise da Univasf

Com o tema “Amor, ódio e indignação em tempos de cólera”, a VI Jornada de Estudos em Psica…