Esmeralda de R$ 500 mi extraída na Bahia é adquirida por empresário de Petrolina

0

Um empresário que mora em Petrolina,  adquiriu uma pedra rara extraída no norte da Bahia. De acordo com o portal G1, a canga de esmeraldas, conjunto de pedras brutas unidas, possui 60 cm de altura e pesa 137 kg.

O minério agora pertence ao pernambucano e a outro investidor de Curaçá. A pedra, encontrada na Mina Caraíba, em Pindobaçu, foi avaliada em aproximadamente R$ 500 milhões.

Na região, é o terceiro minério do porte localizado. A segunda esmeralda foi encontrada com 360 Kg, conhecida como “Esmeralda Bahia”, avaliada em 300 milhões de dólares, enquanto a primeira tinha 380 kg e foi avaliada em cerca de R$ 1 bilhão.

O empresário disse que adquiriu a peça devido à sua raridade. O destino da esmeralda gigante será, em princípio, a comercialização no mercado externo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Amor e ódio serão discutidos na 6ª Jornada de Estudos em Psicanálise da Univasf

Com o tema “Amor, ódio e indignação em tempos de cólera”, a VI Jornada de Estudos em Psica…