Enxame de abelhas coloca em risco a segurança dos funcionários e pacientes do CAPS Infanto-juvenil de Juazeiro (BA)

A equipe da Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano (Semaurb) de Juazeiro, em parceria com o grupo Abelha Viva, realizou nesta terça-feira (20), a remoção de um enxame de abelhas da sede do Centro de Atenção Psicossocial Infanto-Juvenil (CAPS i), localizado no bairro Country Club.

As abelhas estavam abrigadas entre o telhado e a calha, colocando em risco a segurança dos funcionários e pacientes do espaço. A remoção foi feita à noite para evitar que os insetos ficassem agitados. Após a captura, as abelhas foram levadas para uma área segura da caatinga, onde foram soltas.

“Essa operação para retirada das abelhas foi de extrema dificuldade no CAPS Infanto-Juvenil, mas a remoção foi realizada com sucesso. Nossos agradecimentos ao sr. Luiz, funcionário do CAPS pelo apoio, e também à equipe do Abelha Viva, pela parceria”, disse a supervisora de meio ambiente da Semaurb, Denise Santana.

Como solicitar o serviço

A equipe de fiscalização ambiental da Semaurb realiza a captura de abelhas em logradouros públicos ou em residências de baixa renda. Para denunciar a presença de abelhas nesses locais e solicitar a remoção, a população pode procurar a SEMAURB, na Rua Oscar Ribeiro, s/n, no Centro de Juazeiro, ou através do telefone (74) 3612-3581.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Homem é morto com golpes de faca em Araripina (PE)

O município de Araripina (PE), registrou um homicídio na noite de segunda-feira (18). A ví…