Em Pernambuco, tradicional desfile cívico é cancelado por conta da pandemia

0

O tradicional desfile cívico em alusão à Independência do Brasil, comemorada no dia 7 de setembro, foi cancelado em todo país por conta da pandemia do novo coronavírus. A medida foi divulgada pelo Ministério da Defesa, através de decisão assinada pelo ministro Fernando Azevedo e Silva e publicada no Diário Oficial da União. Em Pernambuco, o governo fará uma cerimônia restrita para marcar a data e evitar aglomeração e a propagação do novo coronavírus.

A data, celebrada na próxima segunda-feira (7), feriado nacional, será marcada pelo hasteamento de bandeira em frente ao Palácio do Campo das Princesas, sede do governo estadual, localizado na Praça da República, no bairro de Santo Antônio, Centro do Recife. A cerimônia contará com a presença do governador Paulo Câmara e um representante de cada uma das Forças Armadas, do Poder Legislativo e Judiciário, dos militares do Estado e das demais forças policiais.

Por conta do evento, haverá desvio parcial de isolamento do Palácio, bloqueando o trânsito de carros por trás do Teatro de Santa Isabel. O evento não contará com a presença de delegações. Por decisão do Governo Federal, a Marinha, o Exército e a Força Aérea não irão participar de eventos comemorativos para evitar concentração de pessoas, seguindo as normas das autoridades sanitárias, evitando a disseminação da Covid-10.

Através de nota, o Comando Militar do Nordeste informou que irá realizar uma atividade interna e restrita, observados os cuidados com as medidas preventivas em face a Covid-19. Na ocasião, será realizado o hasteamento do Pavilhão Nacional e a leitura do texto Alusivo ao Dia do 7 de setembro, com a presença do Comandante Militar do Nordeste, General de Exército Marco Antônio Freire Gomes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Educação de Dormentes (PE) conquista o 1º lugar no IDEB entre as cidades do Vale do São Francisco

Dormentes é mais uma vez destaque no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), …