Cresce o número de cidades que terão auxílio de militares nas eleições

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já havia autorizado o envio das Forças Armadas a 601 localidades do País para auxiliar nas eleições deste domingo (7). O número tem sido atualizado a cada dia pois diversos tribunais regionais têm feito novas solicitações. Em 510 dessas cidades, as tropas vão atuar para manter a normalidade da segurança pública durante o pleito e em 91 farão o apoio logístico.

No primeiro caso, as ações, chamadas de Garantia da Votação e Apuração (GVA), chegarão a 11 localidades do Acre; 27 do Amazonas; 5 do Ceará; 72 do Maranhão; 19 do Mato Grosso; 4 do Mato Grosso do Sul; 60 do Pará; 134 do Piauí; 69 do Rio de Janeiro; 97 do Rio Grande do Norte, e 12 do Tocantins.

Já o suporte das Forças Armadas para transporte de pessoal e de urnas a locais de difícil acesso será dado às seguintes localidades: Acre, 41; Amapá, 5; Amazonas, 25; Mato Grosso do Sul, 4, e Roraima, 16. Todo o trabalho é acompanhado por servidores da própria Justiça Eleitoral.

A atuação das Forças Armadas nas eleições é prevista no Código Eleitoral (Lei nº 4.737/65, artigo 23, inciso XIV).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Juazeiro (BA) registra mais 12 pessoas infectadas pela Covid-19 e um óbito  neste domingo (24)

Juazeiro registrou 12 novos casos da Covid-19 nas últimas 24 horas. A informação está no b…