Agentes de endemias do Sertão de Pernambuco recebem tecnologia para combate às arboviroses

0
Nesta quinta (18) e sexta (19), os agentes de endemias de 21 municípios que compõem as Gerências Estaduais de Saúde (Geres) de Ouricuri e Serra Talhada receberão celulares com acesso ao aplicativo e-visit@PE, tecnologia que permite organizar as informações da rotina de trabalho no ambiente on-line, permitindo a visualização dos dados pelos gestores municipais e estaduais. A tecnologia auxiliar no trabalho de campo relacionado às arboviroses (dengue,  chikungunya e zika). Atualmente, 25 cidades do Agreste e Sertão já fazem uso da tecnologia.
Em Ouricuri, a entrega dos smartphones será às 9h desta quinta. Além do município sede, recebem os aparelhos as cidades de Araripina, Bodocó, Exu, Granito, Ipubi, Moreilândia, Parnamirim, Santa Cruz, Santa Filomena, Trindade. Já na sexta, a entrega será para os municípios de Betânia, Calumbi, Carnaubeira da Penha, Flores, Floresta, Itacuruba, Santa Cruz da Baixa Verde, São José do Belmonte, Serra Talhada e Triunfo. A cerimônia será na Câmara de Vereadores de Serra Talhada, às 10h. Ao todo, serão cedidos 304 celulares aos agentes de endemias dos 21 municípios. Com isso, sobe para 580 aparelhos entregues para 46 cidades pernambucanas.
No ambiente on-line, há informações sobre a área de atuação e a possibilidade de informar as casas visitadas e quais recusaram ou estavam fechadas; os focos positivos para o Aedes, quantos foram tratados e se houve a necessidade de usar larvicida; se há pessoas com suspeita de alguma das arboviroses no domicílio, entre outros dados. “Antes, todas as informações das visitas eram descritas em um formulário impresso, que depois precisava ser digitado. Agora, os dados já são colocados no ambiente on-line, otimizando a consolidação das informações. Isso é essencial para uma tomada de decisões efetiva e imediata pelos gestores públicos”, afirma o diretor geral de Controle de Doenças Transmissíveis da SES, George Dimech.
Os agentes de endemias e gestores municipais são treinados para utilizar a tecnologia. Também é preciso fazer o cadastro de todos os domicílios dos municípios para que o trabalho possa ser iniciado. A expectativa é que, até o final do ano, todas as cidades pernambucanas passem a usar o e-visit@PE.
 
Estatísticas
Até o último dia 6, foram notificados no Estado 35 mil casos de dengue (aumento de 130,8% em relação ao mesmo período de 2018), 4,7 mil de chikungunya (crescimento de 122,5%) e 2,2 mil de zika (aumento de 189,4%). Na Região de Ouricuri, foram notificados 1.009 casos de dengue (aumento de 431,1% em relação ao mesmo período de 2018), 34 de chikungunya (crescimento de 78,9%) e 26 de zika (aumento de 18,2%). Já na região de Serra Talhada, foram 1,6 mil notificações de dengue (aumento de 2.760,7%), 95 de chikungunya (crescimento de 493,8%) e 40 de zika (aumento de 471,4%). (DP).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Carga de cigarro avaliada em mais de R$ 3 milhões é apreendida em Salgueiro

Uma carga de 633.500 maços de cigarro avaliada em mais de R$ 3 milhões foi apreendida, na …