21 mil pessoas ficam sem água em Princesa Isabel, 1º município do Estado a entrar em colapso hídrico

jatoba

O município de Princesa Isabel, foi o primeiro do estado da Paraíba a esgotar todas as reservas hídricas dentro desse cenário da seca prolongada. Segundo os dirigentes da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (CAGEPA), seccional de Patos, as bombas do reservatório que abastecia Princesa Isabel foram desligadas porque a água está abaixo do nível de bombeamento.

Ainda segundo a CAGEPA, os mais de vinte e um mil moradores da zona urbana e rural de Princesa Isabel vão ter que receber água de carros pipa. De acordo com dados da CAGEPA, o município de Sousa, também no sertão, e Campina Grande, na Borborema, serão as próximas cidades a entrarem em Colapso de abastecimento de água.
O colapso no abastecimento de água pelas águas do Jatobá II, já havia sido anunciado há dois meses, quando autoridades municipais e população foram alertadas sobre o baixo volume do principal manancial que abastece o município.

São 21 mil pessoas na zona urbana que ficarão que estão sem água em suas torneiras, pois segundo informações do Gerente Local da Cagepa, Gledson Nunes, o fornecimento foi suspenso pela incapacidade do motor em bombear as águas.

O alerta agora é para racionar a água armazenada nas residências, pois a seca que assola a região nordestina e que castigou a população princesense, não tem data para cessar.

Com o fornecimento de água suspenso pela Cagepa, Princesa Isabel deverá enfrentar sérios problemas, pois até os serviços básicos do município, como escolas, creches, PSF e hospitais, poderão ser prejudicados em seus atendimentos.

Fechado para comentários

Veja também

Danilo elege Brasília Teimosa em Recife (PE) para 1º ato oficial da campanha nesta terça (16)

Uma grande caminhada pelas ruas do simbólico bairro de Brasília Teimosa, no Recife, marca …