Reforma política será discutida este mês na Câmara de vereadores de Petrolina

1

camara

O vereador Alvorlande Cruz, do PRTB, irá promover o debate da Reforma Política, para a Câmara Municipal no próximo dia 24 deste mês, com a presença do deputado federal Tadeu Alencar (PSB) que integra a comissão especial da Câmara Federal que discute o tema. Conforme Alvorlande, são mudanças importantes na legislação eleitoral e que têm a ver notadamente com quem pretende concorrer à disputa eleitoral de 2016.

“Temos que nos antecipar a essas mudanças onde algumas já devem valer para o próximo ano, por isso a importância de trazer o debate para a nossa cidade. Existem pontos que a gente enxerga consenso como o fim da reeleição, mas ainda falta definir questões como financiamento de campanha, as coligações partidárias, como ficará a situação das siglas menores. Então nós que temos mandato, precisamos estar por dentro do que poderá mudar e se adequar para buscar a nossa caminhada em defesa do povo de Petrolina”, declarou Alvorlande Cruz.

O vereador desmentiu rumos que teria deixando o PRTB e migado para o Pros, mas tem organizado o novo partido na cidade. “Temos trabalhado para formamos uma parceria com partidos menores e a nossa atuação na criação do Pros em Petrolina visa isso. Permaneço no PRTB, mas de acordo com as mudanças eleitorais, vamos buscar o caminho mais seguro para a busca da renovação do mandato”, concluiu Alvorlande. (Foto Reprodução).

1 Comentário

  1. Manoel Lima

    16 de abril de 2015 em 17:08

    O ponto chave da reforma seria o financiamento de campanha, enquanto empresas financiarem campanhas a corrupção vai continuar a assolar o país. Nenhuma empresa vai tirar dois três milhões do seu giro para investir em um político sem que haja um compromisso da devolução corrigida desse valor. O segundo ponto importante seria acabar com reeleição em todos os níveis e, principalmente para o legislativo onde vereadores, deputados e senadores fazem dos sucessivos mandatos uma profissão. Enquanto perdurar isso o Brasil nunca será um país serio, nunca se modernizará, pois, já que perdurará as mesmas pessoas das mesmas famílias. E nada mudará.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Destino de Aécio Neves será decidido em novembro no Senado

Mesmo com a vitória no plenário do Senado, as polêmicas em torno do senador Aécio Neves (P…