Vítimas que morreram eletrocutadas em piscina no Paraná eram da mesma família

As três pessoas que morreram eletrocutadas dentro de uma piscina em Rio Branco do Sul, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), foram identificadas. Rosely Santos, de 54 anos, e os filhos dela, Emily Santos de 23 anos e o adolescente Agner Coutinho, de 13 anos.

A família morava em Itaperuçu, cidade vizinha. Testemunhas contaram que eles estavam em grupo de aproximadamente 15 pessoas no parque aquático e que ventava forte no momento em que um cabo de alta tensão se rompeu e atingiu a água.

Rosely, Emily e Agner morreram no trajeto até o hospital. Outras quatro pessoas ficaram gravemente feridas e foram transferidas para o hospital Evangélico Mackenzie, em Curitiba. (Com informações Ric/ PR Já)

 

Fechado para comentários

Veja também

Coluna Literária do Domingo

Há dor que mata a pessoa Sem dó nem piedade. Porém, não há dor que doa Como a dor de uma s…