Vigilante que ateou fogo em creche e que matou quatro crianças morre no hospital

0

Damião Soares dos Santos, de 50 anos, é apontado como autor da tragédia dessa quinta-feira, 5 de outubro, em Janaúba, no Norte de Minas. O vigilante da creche Gente Inocente, do bairro Rio Novo, jogou álcool em crianças e nele mesmo e, em seguida, ateou fogo. A informação oficial do Corpo de Bombeiros é que quatro crianças morreram queimadas.

O vigilante chegou a ser internado, mas morreu horas depois. A informação é da assessoria do Hospital Regional de Janaúba. Uma professora também teria morrido.

A instituição informou ao portal G1 que cerca de 40 pessoas foram atendidas pela unidade – 25 delas foram internadas com queimaduras e 15, que estavam em estado de choque, já foram liberadas. Entre os pacientes internados, 14 são crianças com idades entre 4 e 5 anos. Também há funcionários da creche entre os feridos. Todos eles tiveram mais de 20% do corpo queimado. Quinze pessoas respiram com a ajuda de aparelhos.

O caso é investigado pela Polícia Civil.

O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT) é aguardado na cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Educação de Dormentes (PE) conquista o 1º lugar no IDEB entre as cidades do Vale do São Francisco

Dormentes é mais uma vez destaque no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), …