Vereadores aprovam LOA 2020 no valor de quase R$ 1 bilhão para o orçamento de Petrolina

0

Com mais de cinco horas de sessão e discussões entre as bancadas de oposição e situação, a Câmara de Vereadores de Petrolina aprovou no começo a proposta de Lei Orçamentária Anual (LOA) do município e a atualização do PPA (Plano Plurianual). O projeto prevê investimento de cerca de R$ 1 bilhão (precisamento mai de R$ 948 milhões), com 378 emendas que foram apresentadas pelos vereadora ao texto.

A LOA terá um montante de quase R$ 1 bilhão para que o prefeito Miguel Coelho possa gastar no ano que vem. As emendas somaram 378 de autoria dos vereadores para que esse recurso possa ser viabilizado através das sugestões contidas nas emendas á proposta.

“Qualquer vereador fiscalizar. Sempre questionei essa tramitação de cheque em branco. Acredito que fiscalizar é papel nosso. Tenho feito reiterados pedidos ao prefeito em que esses 40% vêm sendo investidos, mas as respostas não chegam. E aí falta dinheiro para investir no plano de cargo e carreira do servidor, em educação, em saúde. Infelizmente a bancada do governo é maioria, mas cumprindo o meu papel de legislar, apresentei aqui a emenda para ser apreciada”, pontou a vereadora Cristina Costa que foi questionada pelo vereador Alvorlande Cruz, mas apoiada pelo primeiro vice-presidente da Casa, Ronaldo Souza.

Alvorlande Cruz esclareceu. “Esse projeto da vereadora Cristina Costa só iria atrapalhar o prefeito e quando se posiciona, está jogando contra o povo. Esse requerimento da emenda da vereadora não era mais para passar, pois o projeto com 40% já tinha passado. Foi uma emenda natimorta, pois o projeto tinha sido aprovado”, lembrou o integrante da situação, lembrando que a emenda de Cristina Costa também prejudicou a emenda do vereador Gilmar que continha a mesma solicitação que seria para reduzir para 20% o remanejamento para Miguel poder trabalhar junto as ações municipais.

O presidente Osório Siqueira lembrou que o requerimento de Cristina cumpriu as prerrogativas legais e a emenda poderia ser submetido ao plenário, conforme o Regimento Interno, uma das polêmicas em plenário neste debate da LOA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Auxiliares e Técnicos em Enfermagem da rede privada poderão deflagrar greve em Pernambuco

Uma assembleia será realizada pelos Auxiliares e Técnicos em Enfermagem da rede privada de…