Verba liberada por Bruno Araújo deve agilizar PPP do Saneamento

0

Pernambuco vai receber mais de R$ 1 bilhão do Governo Federal para investir em contenção de encostas e saneamento ambiental nos próximos anos. Os recursos foram liberados nesta quinta-feira (24) pelo ministro das Cidades, Bruno Araújo, e devem colaborar, sobretudo, com as obras da Parceria Público-Privada (PPP) do Saneamento.

Segundo o ministro, serão repassados R$ 125,07 do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) das Encostas, para aplicação em 77 pontos do Recife; e R$ 906,4 milhões apenas para as obras de saneamento. “Hoje, a gente viabiliza R$ 906 milhões, dos quais R$ 673 milhões serão um empréstimo para empresas parceiras, para investimento ao longo de quatro anos no Recife, Cabo de Santo Agostinho, Jaboatão dos Guararapes e Goiana”, detalhou Araújo.

Ele ainda contou que, desse montante, Recife receberá R$ 405 milhões para ampliar o esgotamento do Ibura. Jaboatão ficará com R$ 197 milhões para investir em Prazeres. Já o Cabo vai receber R$ 36,5 milhões e Goiana, R$ 103,2 milhões. Ao todo, serão beneficiadas cerca de 535 mil pessoas.

“É uma chance de avançar bastante nos próximos anos na Região Metropolitana do Recife na questão do saneamento e saúde pública”, avaliou Araújo. Os investimentos, porém, também representam uma chance de acelerar e tentar pôr em dia o cronograma de obras da PPP do Saneamento.

É que o projeto, criado com o objetivo de universalizar o sistema de esgotamento sanitário na Região Metropolitana do Recife e no município de Goiana, está com obras atrasadas há pelo menos dois anos.

O atraso foi motivado tanto pela falta de recursos públicos, visto que os repasses federais diminuíram com a crise econômica; quanto pela falta de recursos privados, já que o projeto era tocado pela Odebrecht Ambiental, que diminuiu o ritmo da sobras após a Lava-Jata e foi recentemente vendida para a BRK Ambiental, que pertence ao grupo canadende Brookfield e assumiu a obra há poucos meses com a promessa de ampliar os investimentos privados em saneamento. Mesmo assim, o processo continua sob análise do Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Momento histórico: Bandeira do Divino Espírito Santo passará pelas ruas de Juazeiro (BA) neste domingo (31) sem a presença dos fiéis

Nesta Festa de Pentecostes, conhecida como Festa do Divino Espírito Santo que este ano aco…