Univasf entra em greve por tempo indeterminado a partir desta quinta (23)

greve

Cerca de 55 mil alunos das universidades federais em todo estado, incluindo Petrolina deverão ficar sem aula por tempo indeterminado. Pelo menos a decisão foi acatada pelos docentes da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), que deverão iniciar uma nesta quinta-feira (23).

Os professores decidiram ingressar ao movimento e convocam a  comunidade acadêmica a participar de uma reunião na quinta-feira, para discutir os rumos da greve. Confira a nota enviada ao blog pelo SINDUNIVASF.

Em nome da diretoria executiva da SINDUNIVASF esclarecemos que não teremos uma nova assembleia antes do dia 23 de julho. Entendemos que marcar uma assembleia durante o período inicial da greve que coincide com o início do recesso acadêmico seria algo questionável, do ponto de vista da representatividade.

Queremos aproveitar a oportunidade para lembrar que a greve docente terá início no próximo dia 23 julho de 2015. Deste modo, convocamos toda comunidade acadêmica a participar de uma reunião ampliada, no dia 23/07/2015, para discutir os rumos da greve docente.

Posteriormente será feita a analise da minuta elaborada pelo sindicato para acompanhamento das atividades docentes. A reunião ampliada será realizada às 08h:30 no Núcleo Temático – 03, Campus Petrolina.

Saudações universitárias e sindicais.
Diretoria executiva SINDUNIVASF.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Jovem morre após troca de tiros com a polícia no bairro João XXIII em Juazeiro (BA)

No início da madrugada dessa terça-feira (05), no bairro Alto do Cruzeiro, em Juazeiro (BA…