Um dos mortos durante ataque em Araçatuba (SP) já trabalhou em Juazeiro (BA)

Criminosos fortemente armados atacaram três agências bancárias no Centro de Araçatuba (SP), no início da madrugada de segunda-feira (30). Pelo menos três pessoas morreram, segundo a Polícia Civil, sendo dois moradores e um criminoso. Dois suspeitos foram presos.

Um dos que morreu no interior de um veículo na segunda-feira (30), no ataque é o ex-gerente da unidade da COLORMAK que funcionava no distrito Industrial de Juazeiro (BA).

Ainda de acordo com a Polícia Civil, a suspeita é de que Renato Bortolucci, proprietário de um posto de combustíveis da cidade, filmava a ação dos criminosos quando foi morto. Ele deixa a esposa e duas filhas.

Os policiais acreditam que ele foi surpreendido pelos criminosos em um carro, pois o veículo dele foi encontrado sobre a calçada e com a marcha ré engatada. O caso também foi relatado pelo prefeito de Araçatuba,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

ACM Neto diz que “o povo de Juazeiro (BA) gostaria de ter um prefeito igual ao de Petrolina (PE)”

O presidente Nacional do DEM, ACM Neto, durante discurso em ato de filiação de Miguel Coel…