TCE rejeita Gestão Fiscal de 2016 do prefeito de Serra Talhada (PE)

A Primeira Câmara do Tribunal de Contas de Pernambuco esteve reunida nesta quinta-feira (18) para julgar a Gestão Fiscal realizada na Prefeitura Municipal de Serra Talhada (PE) no exercício financeiro de 2016, objetivando Analisar o comprometimento da despesa total com pessoal em relação à Receita Corrente Líquida, verificando o seu reenquadramento e as medidas adotadas para retorno ao seu limite, tendo como interessado o atual prefeito Luciano Duque.

Foi julgada irregular a referida Gestão Fiscal aplicando multa ao prefeito. O valor será publicado posteriormente.

Na quinta (11), a Primeira Câmara do TCE, já havia recomendado à Câmara Municipal do município, também por unanimidade, que a prestação de contas da Prefeitura de Serra Talhada referente ao ano de 2015, fossem rejeitadas pelo legislativo.

Fechado para comentários

Veja também

Danilo elege Brasília Teimosa em Recife (PE) para 1º ato oficial da campanha nesta terça (16)

Uma grande caminhada pelas ruas do simbólico bairro de Brasília Teimosa, no Recife, marca …