Salvador: Advogado diz que ex-patroa que agrediu babá tem transtorno: ‘Pavio curtíssimo’

O advogado de Melina Esteves França, patroa acusada de agredir uma babá e várias funcionárias no Imbuí, diz que a cliente sofre de transtorno de personalidade boderline. Em entrevista ao Fantástico do domingo (4), o defensor Marcelo Cunha afirmou que Melina tem “pavio curtíssimo”.

“As agressões surgiram por proteção materna. Qualquer mãe faria igual ou pior, não estou aqui justificando”, disse Cunha. “Melina tem um transtorno psicológico. Ela não consegue se controlar. Ela tem um pavio curtíssimo. Qualquer afronta, qualquer estrago, qualquer outra coisa, ela transforma como se fosse o fim do mundo”, acrescenta.

O transtorno de personalidade boderline é caracterizado por instabilidade nos relacionamentos, com flutuações extremas de humor e impulsividade. O diagnóstico é feito por avaliação clínica de um profissional como psicólogo ou psiquiatra.

A versão de que a babá Raiana Ribeiro, 25 anos, tenha agredido uma das três filhas de Melina é negada por ela, que diz que jamais bateu em nenhuma das crianças.

Doze mulheres já prestaram queixa contra Raiana à Polícia Civil. As agressões à 12ª vítima, uma idosa de 61 anos, foram registradas em julho deste ano na Delegacia Especial de Atendimento ao Idoso (Deat). Agora são três unidades policiais que investigam a conduta da ex-patroa – além da Deat, foram registradas ocorrências na 9ª Delegacia (Boca do Rio) e na 12ª Delegacia (Itapuã).

“Todo dia eu peço a Deus que ela possa pagar pelo que ela fez comigo e com essa senhorinha de 60 anos e o que ela fez com as outras. Que ela não faça isso com mais ninguém, porque ninguém merece passar pelo que a gente passou”, afirmou Raiana ao Fantástico.

Melina foi ouvida pela polícia sexta e depois liberada. (correio24h)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Pernambuco tem 191 casos da Covid-19 e sete óbitos em 24h

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) registrou, nesta segunda-feira (27), 191 casos da …