Salgueiro perde para o CSA e fica fora do G4

0

 Já garantido nas quartas de final do Campeonato Brasileiro da Série C, o CSA se manteve na cola do líder Sampaio Corrêa e complicou a vida do Salgueiro ao vencer o Carcará do Sertão, por 2 a 0, na noite desta segunda-feira (04), no Estádio Rei Pelé, pela penúltima rodada da primeira fase.

O Azulão chegou aos 31 pontos e se manteve na vice-liderança do Grupo A, atrás apenas do Sampaio Corrêa, que tem 32. Na última rodada, que acontece toda às 19h30 do próximo sábado (09), o Azulão enfrenta o Cuiabá, na Arena Pantanal, em Cuiabá.

Já o Salgueiro perdeu a chance de entrar no G4 e também de afastar qualquer risco de rebaixamento. Em sétimo lugar, com 21 pontos, o Carcará recebe o Remo, no Cornélio de Barros, em Salgueiro. Para avançar, o time pernambucano precisa vencer e torcer por tropeços de Confiança e Cuiabá.

SÓ ADMINISTROU
O Salgueiro voltou do intervalo com uma postura totalmente diferente e levou muito perigo aos 12 minutos em chute de fora da área de Jean Carlos. A bola passou raspando a trave do gol defendido por Mota. O CSA levava perigo no contra-ataque e quase marcou novamente com Michel.

Após tabelar com Edinho, o atacante finalizou rasteiro e assustou Mondragon. Como o CSA já estava classificado, os jogadores pendurados começaram a forçar o terceiro cartão amarelo para não ficarem de fora do primeiro jogo das quartas de final, caso dos zagueiros Jorge Fellipe e Thales, dos volantes Boquita e Dawhan e do atacante Michel.

Aos 30 minutos, Edinho recebeu lançamento nas costas da zaga e bateu por cobertura de Mondragon. A bola tocou no travessão e em cima da linha, mas não entrou. Na sequência, Cássio soltou a bomba e Mota defendeu. A partida caiu de rendimento e o Carcará quase diminuiu nos acréscimos. Jean Carlos chutou, Jorge Felippe salvou em cima da linha e a bola ainda bateu na trave antes de sair. (Futebol Interior)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também