Saiba como Daniel Alves pagou a fiança para sair da prisão

Daniel Alves pagou 1 milhão de euros, cerca de R$ 5,4 milhões, para deixar a cadeia após 14 meses de prisão no Centro Penitenciário Brians 2, próximo a Barcelona. Condenado por estupro, o jogador vai aguardar, em liberdade, o julgamento do recurso.

O jogador tem um patrimônio avaliado em cerca de 60 milhões de euros (R$ 324 milhões), mas não pode movimentar parte do dinheiro, porque tem uma disputa judicial no Brasil com a ex-esposa Dinorah Santana.

Com isso, ao receber o direito à liberdade provisória na quarta-feira (20/3), Daniel Alves precisou recorrer a outros meios para conseguir o dinheiro da fiança. A justiça só confirmou o recebimento do valor nesta segunda-feira (25/3).

Empréstimo

Por conta do bloqueio, o condenado por esturpo teria feito um empréstimo não bancário para pagar a fiança. A informação é do jornal catalão “La Vanguardia”. O valor não veio de nenhum banco, mas a origem do dinheiro não foi revelada.

A advogada de Daniel Alves teria usado, de acordo o jornal espanhol, o valor que o jogador tem a receber do Fisco espanhol (cerca de R$6,8 milhões de euros) como garantia de pagamento do empréstimo.

Também segundo o jornal “La Vanguardia”, que acompanha o caso de perto, o pai de Neymar pagaria a fiança para a liberdade provisória do jogador. Porém, com a repercussão negativa do caso, o empresário desistiu.

Nas redes sociais, o pai de Neymar revelou que não o ajudaria neste momento, já que o atleta foi condenado por estupro. Antes do julgamento, Daniel Alves recebeu ajuda da dupla para pagar a indenização da vítima.

Fechado para comentários

Veja também

Governo de Pernambuco contrata empresa organizadora do concurso da Polícia Científica com 213 vagas

O Governo de Pernambuco anunciou, nesta terça-feira (23), a contratação da empresa AOCP &#…