Ricardo Salles demite chefias do Ibama na Bahia e mais três estados

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, publicou, nesta sexta-feira (9), a exoneração do superintendente do Ibama na Bahia e em mais três estados – Amazonas, Paraíba e Tocantins. Na Bahia, deixou o cargo Rodrigo Santos Alves.

O jornal O Estado de S. Paulo, em reportagem, questionou o ministro sobre a razão de ter publicado a exoneração de todos de uma só vez e quando as superintendências deverão ter um novo chefe, em vez de substitutos temporários. Salles afirmou que as três superintendências com vaga em aberto se devem ao fato de terem acumulado “três análises de currículo no sistema de contratação”. Apenas em Tocantins uma nova nomeação já foi feita.

Salles tem nomeado, desde o início de sua gestão, militares para ocupar cargos no Ibama e no Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio), que são vinculados ao Ministério do Meio Ambiente. Um processo de fusão dos dois órgãos, inclusive, tem sido analisado por um grupo de servidores, a maior parte deles de formação militar. (Bahianotícia)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Levantamento do TCE mostra falta de transparência na vacinação da covid-19 em Pernambuco

O Tribunal de Contas realizou um levantamento para saber como anda a transparência da vaci…