Recife (PE): Polícia Federal apreende celulares e HD com vídeos contendo pornografia infantil 

A Polícia Federal de Pernambuco deflagrou na terça-feira (7), a Operação Infância Resgatada II, com o objetivo de reprimir estupro de vulneráveis, compartilhamento, produção e publicação de arquivos na internet contendo cenas pornográficas envolvendo crianças ou adolescentes.

Um mandado de prisão preventiva já havia sido cumprido no dia 3 de junho. Nesta terça, policias cumpriram um mandado de busca e apreensão. Os dois foram expedidos pela 4ª Vara Criminal da Justiça Federal de Pernambuco.

Nas buscas foram apreendidos seis aparelhos celulares e um disco rígido (HD) na residência do investigado – (o local da busca num bairro do Recife/PE foi mantido em sigilo pela PF) com potencial de armazenamento de imagens e vídeos contendo pornografia infantil.

Há indícios que ele tenha praticado ato libidinoso e abusado de pelo menos 09 (nove) crianças que estariam diuturnamente sob seu convívio doméstico ou até na circunvizinhança em que reside, fotografado e produzido vídeo com cenas de sexo explícito ou pornográficas, bem como armazenado e publicado material de pornografia infantil. O próximo passo da investigação é identificar e ouvir todas as crianças vítimas dos abusos bem como os seus parentes.

A investigação foi iniciada em 2021 pelo GRCC-Grupo de Repressão a Crimes Cibernéticos da Polícia Federal em Pernambuco, a partir de informações repassadas pela organização não-governamental National Center for Missing & Exploited Children – NCMEC, sediada nos EUA, com atuação do SERCOPI – Serviço de Repressão a Crimes de Ódio e Pornografia Infantil/DF.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Conselho determina interdição ética do serviço de enfermagem do Hospital da Restauração em Recife (PE)

O Conselho Regional de Enfermagem de Pernambuco (Coren-PE) determinou, nesta quarta-feira …