Rebelião em penitenciária de Salvador deixa quatro mortos

Uma rebelião iniciada pelos detentos da Penitenciária Lemos Brito, no Complexo Penitenciário da Mata Escura, em Salvador no final da tarde deste domingo (20), deixou um saldo de quatro presos mortos, segundo informações do Sindicato dos Servidores da Polícia Penal do Estado da Bahia (Sinsppeb).

Ainda de acordo com o Sinsppeb, a rebelião se iniciou no Pavilhão 2, possivelmente devido a um confronto entre facções ou uma disputa de poder entre líderes de uma mesma facção. O sindicato também afirma que a Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap) já teria sido informada diversas vezes da possibilidade de uma tragédia ocorrer no presídio. “Isso já era esperado. A Seap tinha consciência de que isso iria acontecer. Nós denunciamos diversas vezes que a fragilidade na segurança da penitenciária causaria uma tragédia”, disse o presidente do sindicato, Reivon Pimentel.

Após tomarem conhecimento da confusão, familiares de presos que cumprem pena na Lemos Brito se reuniram em frente ao portão principal do complexo em busca de notícias sobre seus parentes. As famílias, segundo informações do G1 Bahia, fizeram um protesto na porta da penitenciária por volta das 18h deste domingo (20).(Correio24h)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Morre Padre Reginaldo Veloso, autor de músicas da liturgia cantadas nas dioceses de Petrolina (PE) e Juazeiro (BA)

O padre Reginaldo Veloso morreu aos 84 anos, no Recife. A morte aconteceu na noite da quin…