Punido pelo PMDB, Jarbas Vasconcelos terá ato de desagravo

1

Amigos e admiradores do deputado federal Jarbas Vasconcelos (PMDB) estão organizando para a próxima segunda-feira (18), no Empresarial JCPM, às 18h, um ato de desagravo ao parlamentar, punido pelo partido por ter votado pelo prosseguimento das investigações contra o presidente Michel Temer. Com isso acabou perdendo o controle do PMDB em Pernambuco para o senador Fernando Bezerra Coelho. O governador Paulo Câmara (PSB) confirmou presença no ato.

Na convocação, é dito que a “atuação séria, coerente e transparente na política de Pernambuco e do País” de Jarbas não pode ser “desrespeitada”.

“Quem combateu com esforço físico e pessoal os tempos sombrios da ditatura civil-militar e luta ao longo de mais de 50 anos de vida pública pela defesa da democracia não pode ter a sua voz calada”, diz trecho do convite para o ato.

O grupo cita, ainda, que o deputado federal é alvo hoje “de manobras inescrupulosas por parte daqueles que almejam poder e força política”. (Blog da Folha).

1 Comentário

  1. Machado Freire

    15 de setembro de 2017 em 04:38

    O povo do Brasil deve muito ao partido que sucedeu o velho MDB de guerra. Orgulho-me de ter pertencido a esta sigla que fez história e defendeu com “unha e dentes” os interesses do povo de Pernambuco e do Brasil. Entregar -de forma irresponsável e eleitoreira o partido a meros aventureiros é rasgar e colocar no lixo a grande história de um partido heróico. E nada acontece por acaso !

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Conselho Nacional de Justiça aprova restrição para soltura de presos por Covid-19

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) aprovou nesta terça (22) a resolução que restringiu o…