Profissionais são capacitados para atender casos de violência contra mulher em Petrolina (PE)

Para fortalecer as políticas de combate à violência doméstica, os profissionais da Prefeitura de Petrolina, que recebem constantemente este tipo de denúncia, foram capacitados para entender como funciona o fluxo nas delegacias do município. A ação foi promovida pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos em parceria com a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM).

De acordo com a secretária executiva de Juventude, Direitos Humanos, Mulher e Acessibilidade, Bruna Ruana, durante a formação foi explicado como funcionam as delegacias. “É importante que os profissionais que atuam na ponta conheçam os fluxos, para dar os devidos encaminhamentos e orientar corretamente sobre como essas mulheres devem proceder, o que vai acontecer com o agressor e como funcionam as medidas protetivas, por exemplo. Além disso, os casos de violência contra mulher são atendidos com prioridade e existem protocolos diferenciados nos fins de semana, nossas equipes precisam estar a par de todas essas informações”, explicou.

A capacitação foi ministrada pelos delegados Sara Machado, Magno Neves e Marceone Ferreira. A formação foi voltada para profissionais da assistência social (Casa Bolsa, CRAS, CEAM e CREAS), segurança (Patrulha da Mulher e Ronda Maria da Penha), e outras instituições engajadas no assunto, como a Comissão da Mulher OAB e a Rede de Enfrentamento à Violência Doméstica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Pesquisa revela que cerca de 4 milhões de pessoas abandonaram os estudos no País durante a pandemia

Em 2020, ano marcado pelo novo coronavírus, quarentena e interrupção de aulas presenciais,…