Professores de Juazeiro (BA) seguem com passeata até o Paço Municipal para cobrar pagamento integral dos 33,24% referente ao piso nacional do magistério

Os professores de rede municipal de educação de Juazeiro (BA) realizam na manhã de hoje (7) uma manifestação com o objetivo de cobrar da gestão pagamento integral dos 33,24% referente ao piso nacional do magistério, determinado pelo governo federal.

A passeata dos trabalhadores já percorreu a Avenida Adolfo Viana e segue agora para a sede do Paço Municipal, no Centro da cidade.

Segundo a APLB Juazeiro, “a categoria mostrou-se insatisfeita e indignada com o que foi proposto pelo município e divulgado na imprensa. No texto da assessoria da prefeitura, a informação que chegou foi que haveria a garantia de pagamento do piso nacional para os professores da rede municipal de ensino, conforme a Portaria Nº 67/2022. Segundo o texto, os professores que cumprem jornada de 20h receberiam R$1.922, 82, e os que possuem carga horária de 40h, R$ 3.845,63, contemplando 2.130 professores efetivos, contratados e concursados da rede municipal de ensino”.

Fechado para comentários

Veja também

Homem é morto a tiros no distrito de Piri em Sento Sé (BA)

Um homem foi morto a tiros no distrito de Piri, no interior de Sento Sé (BA), no sábado (2…