Prefeitura de Juazeiro realiza conferência territorial LGBT nesta quinta (14)

1

convite LGBT

A Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Desenvolvimento e Igualdade Social, realiza na próxima quinta-feira, 14, no Centro de Cultura João Gilberto, de 8h às 17h, a Conferência Territorial LGBT do Sertão do São Francisco, com o tema Zero Violência contra LGBT – construindo uma Bahia que respeite a diversidade sexual e de gênero.

Essa é a primeira vez que Juazeiro promove uma conferência com essa temática e, de acordo com o Supervisor de Diversidade, Anderson Mota, a expectativa é positiva. “Juazeiro avança cada vez mais na luta contra toda e qualquer forma de discriminação. Estamos convidando os municípios que compõe o Território do São Francisco, para que juntos possamos realizar uma conferência produtiva e a partir de então saiam propostas que possam combater a violência contra o publico LGBT em nossa cidade e, sobretudo, em nosso Estado”, afirma.

A política de diversidade foi inserida em Juazeiro a partir do Governo Isaac Carvalho, em 2014, com a Supervisão de Diversidade diretamente ligada à Gerência de Diversidade e com o objetivo de dialogar e fomentar políticas públicas para o público LGBT. “Desde então, fomos desafiados a construir uma ponte de diálogo com o público em questão para que haja respeito, inclusão e igualdade de direitos”, completa Mota.

Para o Gerente de diversidade que também é Presidente do Conselho dos Direitos Humanos de Juazeiro, é importante a sociedade sanfranciscana participar da Conferência para a construção de novas ações afirmativas. “Esse momento inédito em nossa cidade, onde haverá a construção de novas políticas públicas que podem ajudar o púbico LGBT. As conferências representam um momento singular de participação social e de definição das políticas de enfrentamento à violência contra população LGBT e promoção do respeito à diversidade sexual e de gênero na Bahia”, conclui Anderson.

Momento de participação popular, controle social e proposição de políticas públicas, as conferências territoriais são realizadas pelo Conselho Estadual LGBT, em parceria com a Secretaria de Justiça Social, como forma de encontrar, junto com a sociedade civil, soluções territorializadas para o enfrentamento à violência cotidiana sofrida pelo segmento LGBT, bem como discutir as políticas de inclusão no mundo do trabalho, a ampliação de oportunidades e garantia de acesso aos serviços públicos a todos, independentemente da orientação sexual.

Para o coordenador do Núcleo LGBT, da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social, Vinícius Alves, as conferências são um importante momento de diálogo e pactuação local e territorial pela promoção dos direitos LGBT. De acordo com ele, as contribuições para as etapas estadual e nacional serão formuladas a partir de um bom e mobilizado processo das territoriais. O território do Sertão de São Francisco é o quarto a realizar conferência. Os encontros já foram realizados nos territórios do Recôncavo, do Litoral Sul e Agreste Baiano.

1 Comentário

  1. Edy

    14 de janeiro de 2016 em 15:24

    Quando vão fazer a zero violência hétero, acho isso nada mais do que jogo politico.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Carreta quebrada na Ponte Presidente Dutra provoca extenso engarrafamento nesta terça-feira (01)

Um extenso engarrafamento ocorre no final da manhã desta terça-feira (01), na Ponte Presid…