Prefeito de Serra Talhada perde dois deputados

[rev_slider morte]

 

Em apenas dois dias, um após o outro, o prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque (PT), viu a morte levar os dois deputados que apoiou nas eleições passadas: Manoel Santos, estadual, e Pedro Eugênio, federal, ambos com votações consagradoras no município. Bastante emocionado, Duque recorreu a um poema da poetisa Cora Coralina para tentar amenizar a dor repetida, que o abalou bastante:

“Mesmo quando tudo parece desabar, cabe a mim decidir entre rir ou chorar, ir ou ficar, desistir ou lutar, porque descobri, no caminho incerto da vida que o mais importante é decidir, pois o que o importa na vida não é o ponto de partida, mas a caminhada. Caminhando e semeando no fim terás o colher”.

 

Fechado para comentários

Veja também

Danilo elege Brasília Teimosa em Recife (PE) para 1º ato oficial da campanha nesta terça (16)

Uma grande caminhada pelas ruas do simbólico bairro de Brasília Teimosa, no Recife, marca …