Policiais militares desarticulam quadrilha acusada de homicídios em Petrolina e Juazeiro

0

policia

Nesta sexta-feira, 15 de maio, a Polícia Militar de Pernambuco, através dos efetivos do 5º BPM, NIS-4, CIOSAC, e a Policíai Militar da Bahia, por meio da CIPE-Caatinga, desencadearam operação que prendeu uma das maiores quadrilhas envolvidas na prática de diversas ações criminosas na região.

A operação foi iniciada no local conhecido como Buracão, no bairro Santa Luzia, zona norte de Petrolina, onde reside Amilton Antônio Rodrigues Novaes, 49 anos, natural de Belém de São Francisco, suspeito de liderar o grupo. Sua residência estava sendo monitorada quando o alvo percebeu a presença da viatura descaracterizada do serviço de inteligência da PMPE. No intento de esboçar reação, ele tentou se aproximar do veículo ali parado, momento em que foi interceptado por policiais militares da CIOSAC. Nesse ínterim, após rigorosa busca pessoal, foi encontrado em seu poder uma Pistola .40mm com numeração suprimida e dois carregadores.

Diante da situação, foi desencadeada revista em sua residência, onde foram encontradas mais de 28 munições do calibre .40mm. De imediato, todo o aparato policial se deslocou até a vizinha cidade de Juazeiro onde existia mais um local que funcionava como ponto de apoio para o grupo. Com apoio da CIPE Caatinga, durante a abordagem foram encontrados uma espingarda calibre 12, mais munições e outros indivíduos que estavam reunidos.

O grupo é suspeito de participar de vários crimes, tais como homicídios, tráfico de drogas e assaltos nas cidades de Petrolina e Juazeiro.

Durante a operação foram presos os seguinte indivíduos AMILTON ANTÔNIO RODRIGUES NOVAES, 49 anos, detento da PEDEG (semi-aberto); SÉRGIO ANTÔNIO RODRIGUES NOVAES, 45 anos; GABRIEL LONDIM NOVAES, 19 anos; EDMILSON DE SOUZA VIEIRA, 42 anos; FLÁVIO RODRIGUES DOS SANTOS, 36 anos; RAONY QUINTANA DE FREITAS LEMOS, 38 anos, com ele foi encontrada uma espingarda cal. 12.

Foram apreendidos os seguintes materiais: 01 (Uma) Pistola cal.40, com numeração raspada; 28 (vinte e oito) munições de cal. 40; 01 (Uma) espingarda cal.12, pintada e sem numeração; 39 (trinta e nove) munições de cal. 12; 15(quinze) munições de cal. 38.

Todos os envolvidos e os materiais apreendidos foram entregues na Delegacia de Polícia Federal em Juazeiro, onde serão adotadas as medidas pertinentes ao caso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Caso Beatriz: “estão manipulando e sabotando o inquérito”, afirma Lucinha Mota

Em uma live extraordinária realizada na tarde dessa segunda-feira, (26), Lucinha Mota, mãe…