Polícia prende quase 70 suspeitos em mega operação em Paulo Afonso (BA) e outras cidades da Bahia

A Polícia Civil da Bahia deflagrou, nesta sexta-feira (18), através do Departamento de Polícia do Interior (Depin), a quarta fase da Operação Unum Corpus, nas cidades-sedes das 26 Coordenadorias Regionais de Polícia do Interior (Coorpin) e outros municípios baianos.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública (SSP), somente durante a manhã, cerca de 70 pessoas foram presas. Destes, 15 têm envolvimento com tráfico de drogas e latrocínio (roubo seguido de morte).

A ação tem como objetivo localizar suspeitos de envolvimento com diversos crimes, como violência doméstica, contra a vida, contra o patrimônio e o tráfico de drogas. Mais de 400 policiais civis participam da operação Unum Corpos, que em latim significa “um só corpo”.

Entre os locais onde os policiais atuam também está o município de Paulo Afonso (BA). Pelo menos sete pessoas foram presas na cidade – quatro por homicídio, uma por tráfico de drogas e uma por estupro. Seis armas, drogas, uma balança e dinheiro foram apreendidos no município e em cidades vizinhas.

A delegada Rogéria Araújo, diretora do Departamento de Polícia do Interior (Depin), explicou que a ação ocorre em praticamente todo o estado da Bahia depois de investigações feitas pelas coordenadorias. Cada uma das 26 unidades abrange cerca de 15 municípios.

“Nós fazemos levantamento dos indivíduos que estão atuando nas regiões do interior do estado. Os delegados que estão instaurando os inquéritos, representando por essas medidas de prisão e busca e apreensão. E isso instrui o inquérito e andamento e outros que darão informações a partir desta operação para prepararmos outras futuras operações no interior do estado”, afirmou.

De acordo com a corporação, a operação Unum Corpus ainda segue em andamento em outras cidades no interior da Bahia durante esta sexta-feira.

“Não se pode estabelecer um ponto especifico [de maior atuação]. Sabemos que o trafico está atuando não só na Bahia, mas no país inteiro. A estratégia da Polícia Civil é onde estiver policial civil, ele estará atuando”, disse a delegada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Granito (PE): Homem mata cachorro e ameaça os pais com foice

Um homem foi preso em Granito (PE), após matar um cachorro e ameaçar os próprios pais com …