Plantio de mudas em parceria com o Rotary Club homenageia radialista Jean Rego e demais vítimas da Covid-19 em Juazeiro (BA)

O Dia Mundial do Meio Ambiente foi marcado com muita emoção em Juazeiro. Neste sábado (5), uma ação especial e cheia de simbolismo homenageou às vítimas da Covid-19 na cidade. Familiares e amigos plantaram mudas de árvores nativas do bioma caatinga na Orla Nova da cidade. Uma maneira de eternizar a memória dos entes queridos.

O projeto denominado Memorial da Saudade é uma iniciativa do Rotary Club Juazeiro, em parceria com a Prefeitura de Juazeiro, o Núcleo Regional de Saúde Norte, a Universidade do Estado da Bahia (Uneb), a Associação dos Fibromiálgicos do Vale do São Francisco (AFibroVasf) e a Agrovale, que doou 550 mudas que serão plantadas ao longo da execução do projeto.

“Estamos fazendo duas coisas boas: homenageamos a família, através do plantio de uma árvore que é vida, e quando os parentes enxergarem aquela árvore no futuro, vão poder usufruir a sombra dela para celebrar e sentir que seus entes queridos estão com eles, simbolizado através daquela árvore. Ao mesmo tempo vamos estar contribuindo com o meio ambiente, que é um papel do Rotary Club de Juazeiro”, destacou Francis Teonília Medrado, presidente do Rotary Club de Juazeiro.

Famílias homenageadas

O radialista Jean Rego, vítima recente da Covid-19 em Juazeiro, foi uma das pessoas homenageadas. Parte da família estava presente no lançamento do Memorial da Saudade e plantou uma muda em sua memória.

“Essa homenagem é para eternizar a memória do nosso irmão. Para a comunidade como Jean era uma pessoa pública, a gente se sente muito feliz e gratificado pelo reconhecimento e saber também que várias pessoas aqui em Juazeiro tinham meu irmão como um amigo, parceiro, como uma pessoa querida, isso nos conforta”, enfatizou Jailson Rego, professor e irmão de Jean Rego.

Há quatro meses, a pedagoga Eliete Mendes Lima perdeu o irmão, Onias Mendes Lima, para a Covid-19. Ela e a cunhada ficaram muito emocionadas ao plantar uma muda de Ipê, que a partir de agora servirá para amenizar a saudade que sentem.

“Essa homenagem nesse tempo que estamos vivendo agora faz a gente se sentir mais leve, mais aliviada. A gente sabe que a pessoa não vai voltar mais, porém ficamos com uma lembrança que é uma árvore. Achei muito justo a escolha do Dia Mundial do Meio Ambiente para fazer essa homenagem. Todas as vezes que eu vier aqui, vou me sentar embaixo dessa árvore e lembrar de meu irmão”, disse Eliete Mendes.

Continuidade

Segundo o titular da Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano, o plantio de mudas iniciado neste Dia Mundial do Meio Ambiente na Orla da cidade, será uma ação contínua e deverá homenagear outras vítimas da pandemia.

“É um motivo de muita satisfação para a Prefeitura de Juazeiro estar contribuindo com um trabalho e uma homenagem dessa natureza. É uma alegria plantar uma árvore que representa vida bem ao lado de outro símbolo de vida que é o Rio São Francisco. Essa é uma lembrança muito importante para essas famílias. E a Secretaria de Meio Ambiente vai ajudar a dar continuidade a esse trabalho em parceria com o Rotary Club e as famílias”, afirmou Rubens Torres.

As famílias que desejarem realizar o plantio de uma muda de árvore em homenagem às vítimas de Covid-19 deverão preencher o formulário em anexo:

https://docs.google.com/forms/d/1dHORx8q6UIcf-fMnqeP8Ieod4myYd4NMBoF3rxF3FdM/edit?usp=sharing

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Juazeirense empata fora de casa contra o Bahia de Feira

A Juazeirense foi até a cidade de Feira de Santana para disputar a terceira rodada da Séri…