Petrolina promove fórum para discutir prevenção aos acidentes de moto

forum

No ano de 2013, mais da metade das vítimas fatais que estiveram envolvidas em acidentes de trânsito na VIII Regional de Saúde, eram motociclistas. Dos 151 óbitos registrados durante o ano, 79 envolveram pessoas que pilotavam ou eram caronas em motocicletas, o que corresponde a 52,3%. Já o número de acidentados de trânsito atendidos nos serviços de urgência do Estado, contabilizaram, em 2014, 1.705 pacientes. Desses, 1.259 eram motociclistas, ou seja, mais de 73% das ocorrências. De janeiro a junho, deste ano, já foram realizados 708 atendimentos na região, sendo 544 a condutores de moto. Os altos números registrados no sertão pernambucano motivaram a realização do I Fórum Itinerante de Mobilização para Prevenção dos Acidentes de Moto, que acontece nesta sexta-feira (31/07), na cidade de Petrolina.

O evento conta com a participação de secretários municipais de saúde das sete cidades que compõem a região (Petrolina, Lagoa Grande, Santa Maria, Orocó, Cabrobó, Afrânio e Dormentes), representantes de instituições hospitalares, sociedade civil e órgãos de trânsito. O fórum, articulado pelo Comitê Regional de Prevenção aos Acidentes de Moto (CRPAM), está acontecendo no auditório da Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape), na Vila Eduardo.  A abertura do Fórum contou com a participação da secretária executiva de Coordenação Geral da Secretaria Estadual de Saúde (SES), Ana Claudia Callou; da gerente da VIII Regional de Saúde, Aline Jerônimo, do coordenador do Cepam, João Veiga, e do coordenador da Operação Lei Seca, André Cavalcanti, que irão ministrar palestras sobre o cenário dos Acidentes de Transporte Terrestre no Estado. Já os municípios irão apresentar suas experiências e ações voltadas para a vigilância, prevenção e promoção da saúde.

“A importância do evento é discutir o impacto dos acidentes de transporte sobre a saúde da população e informar toda a sociedade da situação epidemiológica dos acidentes de moto na VIII Regional de Saúde, bem como junto aos municípios e os diversos segmentos institucionais e representação da sociedade civil. Queremos viabilizar estratégias de enfrentamento aos acidentes, objetivando a redução deles e dos óbitos em consequências deste agravo. Além disso, serão discutidas a implantação e implementação de políticas voltadas para a vigilância, prevenção e promoção da saúde que visam à redução das lesões no trânsito”, comenta a gerente da VIII Gerência Regional de Saúde, Aline Silva Jerônimo.

Também serão distribuídos o cordel Veja Bem Motociclista, Salve Sua Vida e o jornal Saúde no Trânsito. As duas publicações foram impressas pela Companhia Editora de Pernambuco (Cepe). Ao todo, foram impressos 28 mil exemplares, que também serão distribuídos no Interior do Estado para os 12 Comitês Regionais de Prevenção aos Acidentes de Motos e para as 12 Gerências Regionais de Saúde. Ilustradas, as páginas dos poemas de cordel contém informações, ao final de cada verso, de porcentagem sobre vítimas de acidentes de motocicleta que foram atendidas em unidades sentinelas de saúde e sobre os fatores envolvidos no acidente como excesso de velocidade, uso de álcool antes de conduzir a motocicleta e a não utilização do capacete. Já o jornal Saúde no Trânsito traz as seções Fique Sabendo, com números de óbitos, internações e atendimentos; Se Ligue nas Dicas de Prevenção, com os doze mandamentos para a segurança do motociclista; Rede de Urgência, com a relação das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e o Para Distrair, com uma cruzadinha que traz afirmações educativas sobre a melhor conduta no trânsito.

Em Pernambuco, os serviços de saúde que possuem atendimento de urgência em traumatologia e especializados no atendimento aos acidentados de transporte terrestre (grandes emergências) têm uma ocupação média de 60% de leitos com esse tipo de paciente. Só no ano de 2014, R$ 546 milhões foram gastos em Pernambuco com pacientes que precisaram de internação devido a acidentes com motos, com um custo médio de R$ 86 mil cada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Carro cai em canal de irrigação na zona rural de Petrolina (PE)

Um carro caiu em um canal que fica entre os projetos N-8 e N-10, Perímetro de Irrigação Se…