Petrolina (PE): Vice-prefeito Simão Durando convoca Sindsemp e reforça luta pela vacinação de professores

Depois do anúncio da vacinação para os professores de Recife, capital pernambucana, o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho cobrou esclarecimentos ao Governo do Estado, como também a garantia de que os demais municípios pernambucanos recebam tratamento igualitário no calendário da vacinação contra a Covid-19. Buscando alinhar o diálogo sobre isso com a categoria dos professores, o vice-prefeito, Simão Durando, esteve reunido na manhã desta sexta-feira (30) com a direção do Sindicato dos Servidores Municipais (SINDSEMP).

Durante a reunião, estiveram presentes o vice-prefeito, Simão Durando, o presidente do SINDSEMP, Walber Lins, e representantes das categorias da educação e segurança que declararam apoio ao pleito do Poder Executivo junto ao Palácio das Princesas para que haja equidade na execução do processo de vacinação contra a Covid-19.

“Estamos mostrando a nossa indignação com essa desigualdade na distribuição das vacinas e queremos saber o porquê de apenas Recife, em todo o estado, anunciar a imunização para os professores, enquanto os demais municípios não podem avançar juntos. Não é questão política e sim humanitária, pois estamos numa pandemia e vemos que há um favorecimento para alguns. A pressão é geral, isso gerou uma insatisfação no resto do estado e em Petrolina o prefeito Miguel Coelho se mostrou bastante indignado com a atitude do governo estadual e quer uma reposta”, cobrou Simão Durando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Variante Delta da Covid-19 obriga aumento das restrições

Na China, o primeiro país a conter a pandemia em 2020, um novo surto ameaça a política de …