Petrolina (PE): Simão mobiliza força-tarefa com mais de 300 profissionais para enfrentamento dos impactos causados pelas chuvas

Diante dos impactos causados pelas fortes chuvas que atingiram a região, nos últimos dias, o prefeito Simão Durando mobilizou os secretários municipais e a Defesa Civil para discutir a situação de momento e novas ações no município. O gestor orientou a criação de uma força-tarefa com mais de 300 profissionais para atuar em diversas frentes para atendimento da população. A reunião com o secretariado ocorreu nesta quinta-feira (22), na sede da prefeitura.

Dados da Defesa Civil apontam que, desde o último domingo (18) foram mais de 144 milímetros, mais do que dobro das precipitações em comparação com a média para o mês. De janeiro até agora, o acumulado foi de 322,2 milímetros. Ainda segundo o órgão, o volume de chuvas nos dois primeiros meses de 2024 já é o maior dos últimos 20 anos.

Desde o início da semana, as equipes da prefeitura estão nos bairros da cidade realizando atividades com máquinas, serviços de desobstrução, drenagem, retirada de lixo e areia dos canais, entre outras medidas emergenciais. Os principais pontos afetados pela chuva foram: Tapuios; Jardim Petrópolis; São Joaquim; Dom Avelar; Henrique Leite; Rio Jordão; Antônio Cassimiro, Vila Vitória e Santa Luzia.

De acordo com o prefeito Simão, as equipes foram enviadas a campo, fazendo um mapeamento das áreas mais afetadas, avaliação das áreas de risco, além das intervenções emergenciais para minimizar os transtornos, como o acionamento de bombas das lagoas para ajudar no escoamento da água. O prefeito ainda destacou a construção do Plano de macrodrenagem e assegurou que a estrutura de combate a alagamentos será prioridade.

“As equipes estão nas ruas em alerta total. Trabalhadores de serviços públicos, defesa civil, social, saúde, limpeza, ordem pública, entre outros. Estamos todos mobilizados desde o início da semana por conta das previsões de chuvas intensas. Mesmo com o trabalho contínuo que realizamos, o grande volume de chuvas acabou provocando alagamentos e trazendo transtornos devido à sua intensidade. Essa é uma situação vivenciada por diversos municípios da Bahia e Pernambuco, mas estamos trabalhando diuturnamente para dar toda assistência ao nosso povo, colocando nossas equipes a disposição. Estamos realizando atividades de desobstrução de grelhas e canais; remoção de árvores, vegetações e dejetos de pontos alagados, agindo diante da realidade de cada bairro, essa é a nossa prioridade no momento. Nesse momento, é fundamental a união não apenas das equipes da prefeitura, mas de toda a população para minimizar os danos e enfrentar a situação sem riscos”, destacou Simão.

Diante da previsão de mais chuva, a prefeitura reforça os contatos da Defesa Civil 153, Corpo de Bombeiros no 193 e do Programa Mais Luz: 0800 608 1022, em casos de ocorrências.

Fechado para comentários

Veja também

Bahia: Aneel autoriza reajuste médio de 1,53% para tarifa de energia elétrica 

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou um reajuste médio de 1,53% para a…