Petrolina (PE): Prefeitura disponibiliza canais para denúncias de maus-tratos a crianças e adolescentes

A violência contra crianças e adolescentes parte, muitas vezes, de lugares onde menos se espera. Para zelar pelo direito desse público, o Conselho Tutelar atua como uma rede de amparo, especialmente quando se trata de mau-trato. A Prefeitura de Petrolina lembra que cuidar dos pequenos é uma tarefa de todos. Por isso, disponibiliza canais de denúncias e pede que não hesitem em contactá-los ao perceberem qualquer sinal de abuso.

Só no primeiro trimestre de 2020, o órgão registrou 631 casos em que crianças e adolescentes de até 17 anos tiveram direitos negados. Alguns dos principais motivos: negligência, conflito familiar e violência física/maus-tratos. Para dar suporte a estas vítimas, a prefeitura conta com a contribuição da população. Qualquer pessoa pode efetuar uma denúncia anônima pelo Disk 100, ou através dos telefones dos conselhos municipais, R1 (87) 3862-9211 / R2 (87) 3862-2022. Além disso, há também o (87) 98861-0421, telefone para plantão, que funciona nos finais de semana, durante a noite e feriados.

Após a denúncia, o órgão irá apurar os fatos e notificar o violador de direitos. As medidas aplicadas variam de acordo com cada situação, indo desde orientação e aconselhamento até acolhimento institucional das vítimas. Em qualquer caso, o primordial é proteger a criança. A denúncia é fundamental para a intervenção do Conselho Tutelar. (Ascom)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Mercado do Produtor de Juazeiro (BA) divulga cotação desta sexta-feira (14)

O Mercado do Produtor de Juazeiro divulgou a cotação dos produtos comercializados no entre…