Petrolina (PE):  Penitenciária Doutor Edvaldo Gomes tem 41 detentos infectados pelo coronavírus; familiares afirmam que estão há três meses  sem notícias

0

Há mais de três meses  Amanda, Márcia, Luciana e uma quarta  mulher, que terá o nome preservado,  estão sem receber notícias de seus familiares   detidos na  Penitenciária Doutor Edvaldo Gomes (PDEG), em Petrolina (PE).

A preocupação delas dobrou após ficarem sabendo que   41 internos estão infectados pelo novo coronavírus dentro do sistema prisional,  conforme consta num  recente boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde de Petrolina (PE).

Por causa do alarmante número de contaminados e do reduzido espaço recomendado para o  distanciamento social, familiares começaram a se mobilizar para que a direção da PDEG repasse alguma resposta sobre o caso.  A esposa de um detento, por exemplo, afirma  que até agora não houve nenhum contato prévio por parte da gestão prisional para detalhar o perfil dos pacientes infectados e o estado de saúde dos demais internos.

“Meu marido pode estar infectado e eu não sei. A penitenciária tem que entrar em contato  para falar…  Ninguém está tendo informações dos familiares lá dentro e a direção do presídio não diz nada”, lamenta Amanda da Silva.

Márcia Rejane e Luciana de Souza, esposas de outros internos do PDEG,  concordam com Amanda  e dizem que é preciso respeitar o direito de seus companheiros. ” Só queremos o direito deles e o direito da gente. Saber pelo menos como estão”, destacaram.

A mãe de outro  interno lamenta a situação e diz  que desde abril   não tem informações sobre o filho. “Eu não tenho notícia do meu filho e nem sei se está infectado. Eu acho que eles deveriam falar alguma coisa para gente, de quem está ou não, infectado. A gente fica de mãos atadas e desde abril que eu não vejo meu filho. Fica ruim assim, o coração fica apertado”, desabafou.

A redação entrou em contato com a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) e aguarda resposta sobre o caso. Os familiares estão organizando um manifestação na próxima segunda-feira (29), em frente  a Penitenciária Doutor Edvaldo Gomes em Petrolina (PE).

 (Colaboração e foto: Ivo da Hora)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Trabalhadora exige faixa de pedestre na Av. das Nações: “Estou arriscando minha vida”

Uma leitora relata o sofrimento enfrentado diariamente devido a ausência de faixa de pedes…