Petrolina: (PE) IGEPREV convoca Aposentados e Pensionista para realização de Prova de Vida

Aposentados e Pensionista do Instituto de Gestão Previdenciária do Município de Petrolina (IGEPREV), já podem fazer a Comprovação de Vida para fins de Recadastramento Anual (Prova de Vida), que será obrigatória. Em Petrolina, 1.796 pessoas devem realizar o procedimento até o dia 30 de dezembro de 2023, quando se encerra o prazo.

Para realizar o cadastro, primeiro os usuários devem baixar o Aplicativo “Meu RPPS”. Para os usuários de aparelhos Android, é possível utilizar o link https://play.google.com/store/apps/details?id=agendaassessoria.meurpps. Já os usuários de aparelhos IOS, devem utilizar o endereço eletrônico https://apps.apple.com/br/app/meu-rpps/id1482263386. Após a instalação do aplicativo, é necessário criar login e senha. Em seguida deverá ser feito acesso à opção Prova de Vida, e seguir os passos indicados para continuidade no processo.

Os aposentados e pensionistas que não possuam dispositivos móveis ou tenham algum tipo de dificuldades na utilização do aplicativo, a orientação é procurar a sede do IGEPREV, que funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h, na Avenida José de Sá Maniçoba, nº 200, no Centro, em Petrolina. É necessário ainda levar documento original de identificação com foto e em bom estado de conservação e legível, e cuja expedição tenha ocorrido a menos de 10 anos.

Os segurados que se encontram impossibilitados de locomoção, deverão estes ou os seus familiares, entrar em contato com o RH do IGEPREV, através do número de telefone fixo e Whatsapp (87) 3983-3450 ou pelo e-mail: atendimento@igeprevpetrolina.com.br. Ficam dispensados da obrigatoriedade da Prova de Vida, os aposentados e pensionistas cuja concessão do benefício tenha ocorrido entre 1º de junho de 2023 e 31 de outubro.

Segundo o diretor-presidente do IGEPREV, Gustavo Palhares, a não realização da Prova de Vida no prazo estabelecido pode acarretar na suspensão do benefício. “É necessário e de responsabilidade do aposentado, pensionista ou seu representante legal, a realização do cadastro. Essa comprovação de vida é importante para mantermos os cadastros atualizados e evitar a suspensão do benefício, que só poderá ser retomado após um novo processo de cadastro. Para quem tiver dúvidas, pode nos procurar em nossa sede, os servidores estão preparados para esclarecer qualquer dúvida e orientar aqueles que necessitem de apoio”, destaca Gustavo Palhares.

Fechado para comentários

Veja também

Duas carretas com 20 toneladas de carga sem nota fiscal são retidas pela PRF em Garanhuns

Duas carretas que transportavam cerca de 20 toneladas de confecção sem a documentação fisc…