Petrolina (PE): Funcionária do Hospital Universitário denuncia racionamento de luvas hospitalares, e reclama sobre material recebido: “Luvas para trabalhar em padaria”

Uma funcionária do Hospital Universitário em Petrolina (PE), que terá o nome preservado, encaminhou uma denúncia para a redação do Blog Edenevaldo Alves  na manhã desta terça-feira (01), para relatar a escassez do fornecimento de  luvas hospitalares para os profissionais de saúde.

A leitora diz que está trabalhando há mês  sem os epi’s apropriados e lamenta a situação. “Estou aqui na linha de frente, pronta para cuidar, mas gostaria que a empresa fizesse o mínimo que seria disponibilizar equipamentos para proteção dos profissionais”, sugeriu.

De acordo com a denunciante, a direção do HU alega que os fornecedores do material estão solicitando um valor acima do normal para a venda e por isso está havendo o racionamento das luvas. Como alternativa,  o HU disponibilizou luvas plásticas para procedimentos mais comuns. “Luvas para trabalhar em padaria e não em contato com sangue e secreções”, lamentou.

A leitora também informou que o mesmo problema acontece com o fornecimento da toca hospitalar, e não há uma previsão para a normalização dos EPI’s adequados. A redação do Blog Edenevaldo Alves encaminhou a demanda para a assessoria do HU e aguarda resposta sobre o caso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Covid-19: Com UTIs lotadas, Rondônia vai ter que transferir pacientes para o Rio Grande do Sul

Cinquenta pacientes com Covid-19 vão ser transferidos, a partir de terça-feira (26), de Po…