Pernambuco: Professor de jiu-jitsu que obrigava vítimas a enviar fotos nuas é preso por estupro em São Lourenço

A Polícia Civil de Pernambuco prendeu um professor de jiu-jitsu  suspeito de praticar estupro de vulnerável em São Lourenço da Mata, na Região Metropolitana do Recife (PE). Ao menos, uma aluna está entre as vítimas.

Em julho de 2021, segundo as investigações, o professor “teria mantido conjunção carnal com uma adolescente de 13 anos, mediante grave ameaça”.

A polícia disse ainda que, após sofrer os abusos sexuais, a adolescente era ameaçada pelo professor a enviar fotos nuas para ele.

Durante as investigações, familiares de outra adolescente, que era aluna do professor, procuraram a polícia para relatar a prática de abuso sexual pelo suspeito, usando o mesmo modus operandi do outro caso.

 

Fechado para comentários

Veja também

Homem é morto a tiros no distrito de Piri em Sento Sé (BA)

Um homem foi morto a tiros no distrito de Piri, no interior de Sento Sé (BA), no sábado (2…