Pernambuco: Polícia Federal realiza operação e mira doleiros que movimentaram mais de R$ 200 milhões

0

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta sexta-feira (9), a Operação Amphis, que busca três doleiros de Recife, ligados aos crimes de evasão de divisas, manutenção de instituição financeira clandestina, falsidade documental, descaminho e lavagem de dinheiro. Os doleiros são suspeitos de auxiliar um grupo criminoso que atua em Recife, Flórida (Estados Unidos) e outras capitais.

De acordo com a Polícia Federal, a operação teve início em 2014. O grupo movimentou mais de R$ 200 milhões nos últimos dez anos através da abertura de contas bancárias com documentos falsos e em nome de empresas fantasmas. A ação ocorre nos municípios de Recife, Jaboatão dos Guararapes, Goiânia, São Paulo, Fortaleza e Rio de Janeiro.

A PF informou que 13 mandados de busca e apreensão foram expedidos, além do sequestro de imóveis e veículos, bloqueio de contas dos investigados e de empresas fantasmas. Os policiais federais estão recolhendo documentos e arquivos digitais, que serão analisados posteriormente pela equipe de investigação da Delegacia de Repressão à Corrupção e Crimes Financeiros da PF em Pernambuco. As penas dos crimes, somadas, podem chegar a 29 anos de prisão.

Ao todo, cerca de 60 policiais federais estão cumprindo os mandados nos escritórios e residências dos suspeitos. (Diáriodepernambuco)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Pernambuco fecha domingo (25), com 157 novos casos da Covid-19

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) registrou, neste domingo (25/10), 157 novos casos …