Passageira tenta despachar botijão de gás em voo do Recife para São Paulo

Ao pegar o voo entre Recife (PE) e Guarulhos (SP), uma passageira tentou despachar um botijão de gás na viagem. O caso inusitado aconteceu na madrugada de quarta-feira (23) e viralizou nas redes sociais por meio de vídeo gravado pelo funcionário do aeroporto.

Pelas regras de segurança, itens explosivos, gases, líquidos inflamáveis e alguns tipos de arma são proibidos no transporte aéreo de passageiros.

O botijão estava envolto em um saco de náilon e dentro de uma caixa de papelão. Por meio de nota, a Gol, companhia responsável pelo voo, afirmou que a mulher tentou despachar o item ao compartimento de cargas, mas foi impedida por um funcionário.

Imagens que circulam nas redes sociais mostram o momento em que esse funcionário abre o pacote com o botijão na esteira do raio-X. Ele remove o saco e a caixa e afirma: “Estou só mostrando aqui que isso aqui não pode ser despachado, não, certo?”.

O funcionário continua: “Isso aqui é praticamente uma bomba. A senhora derruba um avião com um negócio desses. Não pode embarcar”.

Em seguida, a mulher, que não aparece nas imagens, questiona: “Mas vazio?”. O funcionário rebate: “Vazio, cheio… não pode”.

Em nota enviada à reportagem da Folha PE, a Gol disse que o funcionário adotou o procedimento padrão de segurança ao identificar que a bagagem tinha um “item perigoso”, assim como ao explicar que o botijão não poderia ser despachado “pois representaria um risco ao voo”. (Fonte: Folha PE)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Petrolina (PE): Ministério Público comunica que inquérito do Caso Beatriz está com a Polícia Civil, em fase de conclusão

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) informa que o inquérito policial do caso Beatriz…