OAB da Bahia repudia e adota medidas sobre ataque a tiros a escritório de advocacia em Juazeiro (BA)

A OAB da Bahia e a Subseção de Juazeiro encaminharam, na tarde da última terça-feira (26), um ofício à Secretaria de Segurança Pública da Bahia e outro à delegacia de Juazeiro solicitando apuração célere e rigorosa nas investigações acerca do caso relacionado ao escritório de advocacia Cordeiro e Roriz Advogados, em Juazeiro, que foi alvejado por cerca de seis disparos de arma de fogo na última sexta (22).

Os documentos reiteram a inaceitabilidade de um espaço dedicado à administração da justiça e ao exercício da advocacia ser alvo de qualquer tipo de violência ou ameaça: “O abominável ato de ataque a tiros contra o supracitado escritório representa não somente uma afronta aos preceitos de justiça, mas também um violento ataque aos fundamentos democráticos que são alicerce de nossa sociedade”, enfatizam a Seccional e a Subseção de Juazeiro.

Diante da gravidade do ocorrido a OAB da Bahia pediu, ainda, habilitação para acompanhar o inquérito: “Conforme fundamentado nos artigos 7º, incisos XIV e XV, da Lei Federal nº 8.906/94, solicitamos também cópia integral dos autos do B.O nº 207472/2024, para conhecimento e adoção de ações futuras por parte desta Seccional”, diz o ofício encaminhado à delegacia.

Todas as medidas que estão sendo tomadas pela OAB-BA, em conjunto com a Subseção, reiteram o compromisso com a defesa intransigente do Estado Democrático de Direito e com a proteção dos direitos e prerrogativas de advogados e advogadas, e repudiam veementemente qualquer forma de violência, intimidação ou coação contra estes profissionais.

Fechado para comentários

Veja também

Exclusivo Caso Beatriz: Lucinha Mota participará do programa ‘Encontro’ da Rede Globo nessa sexta-feira (19)

Lucinha Mota, mãe da garota Beatriz Angélica estará ao vivo no programa ‘Encontro co…